Página Inicial / Noticias / Itagimirim: Em nota, vice-prefeito Luizinho se manifesta contra fechamento das escolas municipais Adilson Guimarães e Adélia Pinheiro

Itagimirim: Em nota, vice-prefeito Luizinho se manifesta contra fechamento das escolas municipais Adilson Guimarães e Adélia Pinheiro

O vice-prefeito de Itagimirim, Luizinho, manifestou por meio de nota repúdio contra a decisão do atual governo municipal, através da Secretaria Municipal de Educação, que ameaça fechar as Escolas Municipais Adilson Guimarães e Adélia Pinheiro e declarou apoio aos pais de alunos que defendem o funcionamento das duas unidades de ensino.

O fechamento das escolas foi anunciado recentemente pela atual gestão municipal por conta da ausência de alunos. A previsão de encerramento das atividades ocorrerá com o fim do ano letivo, mas se depender da vontade dos pais e alunos, a escola não encerrará suas atividades.

Segundo o vice-prefeito, a falta de alunos não pode ser justificativa para o fechamento das escolas que atendem as famílias do município e ressaltou a responsabilidade do Executivo com o ensino fundamental.

Ainda conforme Luizinho, faltou diálogo do poder público com a comunidade, mas se propôs inclusive em discutir o assunto e buscar em consenso soluções para evitar o fechamento das unidades escolares.

As discussões em relação à inviabilidade do funcionamento das escolas não são novidade para a comunidade que não aceita a decisão. Dezenas de pais de alunos já se organizaram para protestar contra o fechamento das duas unidades, inclusive, pelas redes sociais. Segundo os mesmos, a escola é fundamental para a comunidade.

Autoridades municipais e lideranças políticas também se mobilizam contrários ao encerramento das atividades das Escolas Adilson Guimarães e Adélia Pinheiro na luta em defesa pelo funcionamento das duas unidades no município e todos aguardam agora, pelo menos, uma resposta do governo municipal diante da decisão de fechamento que vai contra a população e demonstra que o atual governo de Itagimirim, conduzido pela prefeita Devanir dos Santos Brillantino, não se compromete com o povo e ameaça o direito à educação.

Confira a íntegra da nota pública do vice-prefeito de Itagimirim, Luizinho:

Nota Pública

O vice-prefeito de Itagimirim, Luizinho, pré-candidato a prefeito na eleição de 2020, vem manifestar-se acerca das reclamações de pais de alunos que, protestaram nas redes sociais após a decisão do poder executivo em fechar as Escolas Municipais ‘Adilson Guimarães e Adélia Pinheiro’, alegando para tanto, a falta de alunos.

É consabido que, educação é direito universal, devendo, pois, o poder público empreender todos os esforços para disponibilizá-la adequada e competentemente, na sua esfera de competência, a toda a população.

Também é de conhecimento público que, o vice-prefeito Luizinho não faz parte do núcleo de poder do executivo municipal.

Mas, quanto ao fechamento de escolas, mesmo sendo ato próprio do executivo, no mundo globalizado, em que toda a população, pais de alunos e alunos têm acesso às redes sociais, faltou, no mínimo, bom senso ao executivo para, através de assembleias, discutir o assunto com os pais e os alunos e, apresentar as razões que motivaram o fechamento das escolas.

Certo é que, o ato foi inoportuno, inadequado e ineficaz.

Luizinho manifesta-se em apoio aos pais de alunos, colocando-se à disposição para discutir o assunto e em consenso buscar soluções.

Fonte: Pautabahia

Sobre admin

Você pode Gostar de:

INDICADORES: Semana começa (29) com alta no café

Por: Bahiananet.com.br A saca de 60 quilos do café arábica começa a semana (29) com …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!